Cafés especiais: Tipos e especificidades

Apesar de não existirem registros oficiais sobre a origem do café, sabe-se que é uma planta nativa das regiões altas da Etiópia.

A história do café como bebida não é comprovada, mas existem lendas. Uma delas diz que um pastor etíope chamado Kaldi, percebeu que os animais que se alimentavam desse fruto amarelo avermelhado que cresciam na região, ficaram animados e enérgicos. 

Ele resolveu levar uma amostra para um monge, a princípio a planta foi rejeitada, mas quando jogaram na fogueira e sentiram o aroma de grãos torrados apaixonaram-se pelo fruto.

Outra versão sobre a história diz que o monge decidiu prontamente preparar uma infusão com a planta e frutos e bebia todas as noites de reza para se manter acordado.

Alguns registros afirmam que o consumo de café começou por volta de 575 d.C. – mesma época das lendas sobre a origem do café. Mas essa é a história apenas do Café Arábica.

No Brasil, a primeira muda de café chegou em 1727 com Francisco de Melo Palheta. O Café Arábica foi o primeiro a ser cultivado em terras nacionais, no Rio de Janeiro. E é até hoje o mais plantado em terras nacionais — representando cerca de 77% do café nacional. 23% do café plantado no Brasil pertence à espécie Café Robusta.

De lá pra cá o consumo dessa planta aumentou ao ponto de ser parte necessária da vida de seus consumidores. Além disso, os tipos de café são variáveis e, quando são de qualidade, o fator de decisão é a preferência individual. 

Confira a seguir as variedades de Café Arábica e Robusta. 

Café Arábica: Variedade

Conheça a seguir algumas das variedades mais populares do Coffea Arabica:

  1. Acaiá
  • Identifique: Porte alto, com frutos vermelhos de maturação tardia. 

Se o objetivo é encontrar um café com notas frutadas e que ainda assim seja suave, com acidez média e um toque achocolatado. É costumeiro que haja a mistura dessa variedade com a Bourboun para uma bebida mais encorpada. 

  1. Bourbon
  • Identifique: Plantas altas que podem atingir até 3 metros de altura, são cilíndricas e os frutos podem ser amarelados ou avermelhados. 

Esse grão tem um sabor mais adocicado e suave com aroma marcante, apesar de também ser uma boa recomendação de café especial. Também demanda cuidados especiais como a garantia de que o solo, clima, secagem e atitude seguem os padrões necessários. 

  1. Catuaí 
  • Identifique: Planta de porte baixo e bem resistente. Os frutos são avermelhados e amarelados. 

Cultivada em altitude, essa é uma boa opção para quem busca um café leve, principalmente se você opta por tomar o café sem açúcar. A altura da plantação influencia diretamente na qualidade do Catuaí, que é subdividido em Catuaí Amarelo e Catuaí Vermelho, sendo o último um pouco mais encorpado que o primeiro. 

  1. Icatu 
  • Identifique: Com frutos vermelhos ou amarelos, essa planta possui porte alto e resistência mediana. 

É uma bebida de alta qualidade com notas frutadas e uma boa acidez. Pode ser encontrado nas versões Icatu Vermelho, Icatu Amarelo e Icatu Precoce e é uma ótima opção para cafés espressos. 

  1. Laurina
  • Identifique: Famoso pelas ramificações densas e por um porte médio, essa planta tem frutos afinados pequenos e vermelhos. 

Além do nome Laurina, esse café é conhecido como “Frevo”. Essa variação é bem mais suave, contendo baixo teor de cafeína. É uma excelente opção para quem busca um descafeinado com sabor agradável. 

  1. Mundo Novo
  • Identifique: É uma planta corpulenta e alta, seu fruto é avermelhado e é muito cultivado em Minas Gerais e no estado de São Paulo. 

O queridinho dos cafés especiais resulta em um café delicioso, com aroma suave, mas sabor que se destaca. Geralmente, é essa a escolha de quem quer uma opção de drink que inclua o sabor do café. Seu valor alto é decorrente dos cuidados especiais que demanda, mas vale a pena investir nessa escolha. 

Café Robusta

Conheça a seguir uma das variedades mais populares do Coffea Canephora:

Conilon

Uma das variedades mais populares e comuns no Brasil do Café Robusta é o Conilon. Suas características se destacam no teor de cafeína que pode chegar até a 2,37%. A bebida é encorpada e, pelo valor de cafeína, pode conter bastante amargor. 

Após esse mini guia, você consegue escolher qual o tipo de café ideal para você? Conta para nós! 

Acesse as redes sociais da Agrorigem e receba as atualizações sobre o mundo cafeeiro. 

Specialty Coffees: Types and Specifics

Although there are no official records on the origin of coffee, it’s known that it’s a plant native to the highlands of Ethiopia.

The history of coffee as a beverage is unproven, but legends do exist. One of them says that an Ethiopian shepherd named Kaldi, noticed that the animals that fed on this reddish-yellow fruit that grew in the region, became excited and energetic.

He decided to take a sample to a monk, at first the plant was rejected, but when they threw it into the fire and smelled the aroma of roasted beans, they fell in love with the fruit.

Another version of the story says that the monk promptly decided to prepare an infusion with the plant and fruit and drank every night of prayer to keep himself awake.

Some records claim that coffee consumption began around 575 a.C. – at the same time as legends about the origin of coffee. But that’s just the story of Arabica Coffee.

In Brazil, the first coffee arrived in 1727 with Francisco de Melo Palheta. Arabica coffee was the first to be cultivated on national land, in Rio de Janeiro. And it is still the most planted in national lands — representing about 77% of the national coffee. 23% of the coffee planted in Brazil belongs to the Café Robusta species.

Since then, the consumption of this plant has increased to the point of being a necessary part of the lives of its consumers. Furthermore, the types of coffee are variable and, when they are of quality, the decision factor is individual preference.

Check out the Arabica and Robusta coffee varieties below.

Arabica Coffee: Variety

Here are some of the most popular varieties of Coffea Arabica:

  1. Acaiá
  • Recognize: Tall size, with late ripening red fruits.

If the objective is to find a coffee with fruity notes and that is still smooth, with medium acidity and a touch of chocolate. It is customary to mix this variety with Bourboun for a fuller drink.

  1. Bourbon
  • Recognize: Tall plants that can reach up to 3 meters in height, are cylindrical and the fruits can be yellowish or reddish.

This grain has a sweeter and smoother flavor with a strong aroma, although it’s also a good recommendation for special coffee. It requires special care, such as ensuring that the soil, climate, drying and attitude follow the necessary standards.

  1. Catuaí
  • Recognize: Low sized and very resistant plant. Fruits are reddish and yellowish.

Grown at altitude, this is a good option for those looking for a light coffee, especially if you choose to drink coffee without sugar. The planting height directly influences the quality of the Catuaí, which is subdivided into Catuaí Amarelo and Catuaí Vermelho, the latter being a little thicker than the former.

  1. Icatu
  • Recognize: With red or yellow fruits, this plant has a tall size and medium resistance.

It is a high quality drink with fruity notes and good acidity. It can be found in the Red Icatu, Yellow Icatu and Precoce Icatu versions and it’s a great choice for espresso coffees.

  1. Laurina
  • Recognize: Famous for its dense branches and medium size, this plant has thin, red, thin fruits.

In addition to the name Laurina, this coffee is also known as “Frevo”. This variation is much milder, containing low caffeine content. It is an excellent option for those looking for a decaf with a pleasant taste.

  1. Mundo Novo
  • Recognize: It is a stout and tall plant, its fruit is reddish and is widely cultivated in Minas Gerais and in the state of São Paulo.

The favorite of specialty coffees results in a delicious coffee, with a mild aroma, but a flavor that stands out. Generally, this is the choice of those who want a drink option that includes the coffee flavor. Its high value is due to the special care it requires, but it is worth investing in this choice.

Robust coffee

Find out below one of the most popular varieties of Coffea Canephora:

Conilon

One of the most popular and common varieties of Café Robusta in Brazil is Conilon. Its characteristics stand out in the caffeine content that can reach up to 2.37%. The drink is full-bodied and, due to the caffeine value, can contain a lot of bitterness.

After this mini guide, can you choose which type of coffee is right for you? Tell us!

Access Agrorigem’s social media and receive updates on the coffee world.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *